A volta dos “hits” nostálgicos e não autorizados!

A volta dos “hits” nostálgicos e não autorizados!

Artistas brasileiros se superaram no LOLLAPALO0ZA. Estavam ousados e “conectados”. Para eles “o calaboca já morreu”, as “aglomerações devem ficar na moda”. A pandemia? Será ignorada por completo. “Que se dane quem acredita nela”! O ano será, segundo eles, “uma plataforma (eleitoral?) contra a censura”. O alvos serão as “gerações que acreditam no poder “do tecnobrega, do batidão tropical, do pop atrevido e do rap-pop melódico”. No fundo, eles querem a volta de seus antigos shows, alguns deles eram mesmo “politizados“ e outros, eram pagos com o dinheiro público. No palco, veteranos e prodígios reacionários vão mostrar com a “cara de bêbados tristes e look de mendigos milionários” os acordes de uma “balada matadora” que pode ajudar a eleger de novo aquele velho pré-candidato, referenciado só como “Lulx“, para evitar processos, multas e “prisões injustas”. O Show repaginado foi intenso, o repertório atingiu “estudantes cooptados e veteranos nostálgicos”, não se limitou só a hits “não autorizados” como o “Fora Genocida”. Os milleniais “do contra”, mesmo os que tem “problemas de saúde mental”, já garantiram : vão usar de tudo para recuperar facilidades que tinham no passado!!

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.