Bandeiras do PT e bonés do Lula são vendidos em manifestação com quebra-quebra em Curitiba

Bandeiras do PT e bonés do Lula são vendidos em manifestação com quebra-quebra em Curitiba

Curitiba – A greve dos professores da rede estadual do Paraná teve como marca nesta segunda-feira (3) a venda de bonés e bandeiras do PT no Centro Cívico, em Curitiba. O movimento terminou em invasão da Assembleia Legislativa do Paraná e deixou flagrante o peso político dos grevistas.

Os professores impediram os deputados de iniciar a votação do projeto de lei do Governo do Paraná que institui o programa Parceiro da Escola no começo da tarde. Ele tem como intuito otimizar a gestão administrativa e de infraestrutura das escolas mediante uma parceria com empresas com expertise em gestão educacional.

A ideia é implementar a medida em 200 escolas de cerca de 110 cidades, nas quais foram observados pontos passíveis de aprimoramento em termos pedagógicos, projetando inclusive uma diminuição da evasão escolar – o número corresponde a cerca de 10% da rede. O Parceiro da Escola será instalado mediante consulta pública junto à comunidade escolar.

Os diretores, os professores e os funcionários efetivos já lotados nas escolas serão mantidos e as demais vagas serão supridas pela empresa parceira, sendo obrigatória a equivalência dos salários com aqueles praticados pelo Estado do Paraná. A gestão pedagógica seguirá a cargo do diretor concursado.

A venda de bandeiras e bonés do PT também aconteceu em um dia em que os professores deveriam estar em sala de aula, uma vez que o Tribunal de Justiça suspendeu os efeitos da greve até que seja apresentado, pelo sindicato, um plano de manutenção das atividades básicas.

Mesmo com o movimento, a Secretaria de Estado da Educação estimou que 87% das escolas da rede estadual trabalharam normalmente nesta segunda-feira.

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.
× Fale com o P1 News!