Vídeo de segurança desmascara tese de defesa no Caso Isis

Vídeo de segurança desmascara tese de defesa no Caso Isis

Da Redação*

Tibagi – Em uma transmissão ao vivo recente, um youtuber revelou que a defesa de Marcos Vagner planejava usar um vídeo de câmeras de segurança para afastá-lo da lista de principais suspeitos no desaparecimento da menina Isis.

O vídeo, que fazia parte do processo de defesa de Marcos Vagner, teve sua relevância questionada após uma jovem se manifestar em suas redes sociais. A defesa alegava que as imagens mostravam uma menina correndo nas proximidades da área industrial de Tibagi, servindo como evidência para excluir Marcos da lista de suspeitos. No entanto, a jovem afirmou que a garota no vídeo era ela mesma, e não Isis.

Para sustentar sua afirmação, a jovem compartilhou detalhes sobre sua presença no local naquele dia e apresentou dados de um aplicativo de caminhada, confirmando seu trajeto. Essa declaração enfraquece a tese da defesa de Marcos Vagner, retirando a validade do vídeo como prova exculpatória.

Essa reviravolta coloca a defesa de Marcos Vagner em uma posição delicada, uma vez que o único material que poderia afastar as suspeitas sobre ele foi desmentido.

As autoridades continuam as investigações para localizar Isis e esclarecer todos os detalhes do caso.

*Com Jornal Tibagi

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.
× Fale com o P1 News!