CCR Rodonorte estima tráfego de 430 mil veículos durante o feriado prolongado da Independência

CCR Rodonorte estima tráfego de 430 mil veículos durante o feriado prolongado da Independência

*Matheus de Lara

De sexta-feira (3) até a quarta-feira (8), as estradas de todo o país devem ficar movimentadas devido ao feriado prolongado da Independência do Brasil, além da volta do turismo com o avanço da vacinação. Especialmente no estado do Paraná, a concessionária CCR Rodonorte que administra 487 quilômetros sob concessão da companhia, divulgou para a imprensa que até a volta do feriado, são esperados quase 430 mil veículos que devem passar pelas BRs 277 e 376 (entre Curitiba e Apucarana) e da PR 151 (entre Ponta Grossa e Apucarana).

O volume de tráfego, que em média será 32% acima do registrado em dias normais, pode chegar aos 150% acima do normal nos dias e horários de maior movimento, especialmente no segmento da BR-277 entre Curitiba e São Luiz do Purunã. Durante o período da operação especial de feriado, inclusive, o setor de planejamento de tráfego da CCR RodoNorte estima que 250 mil veículos circulem por este trecho da rodovia.

Conforme CCR, com relação aos dias de maior movimento, a projeção da concessionária estima que o sábado (4), seja o dia com maior fluxo de veículos: 85,8 mil na soma das três principais rodovias – 72% acima do registrado em dias normais. Além dos 250 mil veículos que devem circular pela BR-277 durante o feriado, outros 95 mil devem trafegar pela PR-151, entre Ponta Grossa e Jaguariaíva (região de Carambeí), e pouco mais de 80 mil veículos pela BR 376, a Rodovia do Café, entre Ponta Grossa e Apucarana – na região de Tibagi.

“Com o avanço da vacinação e um controle maior da pandemia, a gente já está registrando um aumento gradual no tráfego, especialmente nos veículos de passeio. Por isso, a nossa expectativa é que neste feriado tenhamos um movimento semelhante ao fluxo do período pré-pandemia”, explica Mauro Bertelli, gerente de atendimento da CCR RodoNorte.

Horários de Pico

Na saída e chegada de Curitiba em direção ao Interior, a CCR RodoNorte projeta que tráfego deve se intensificar a partir das 13 horas de sexta, seguindo mais alto até às 20 horas. No sábado, por sua vez, a concentração de fluxo na saída para o feriado será entre 6 horas e 15 horas; já para o retorno, os horários de pico em São Luiz do Purunã devem ser registrados entre 13h e 20 horas de terça e 10h e 16 horas da quarta-feira.

Polícia Rodoviária

Na região dos Campos Gerias, o inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Aurélio Santos, disse por meio de áudio enviado para a imprensa, que se recomenda que os usuários utilizam horários diferentes para evitar o grande fluxo de veículos. “As equipes vão estar reforçadas em toda a rodovia, e vão estar fiscalizando principalmente as infrações de trânsito que mais causam acidente. Dentre elas destacamos a ultrapassagem proibida, que causam as colisões frontais com números considerados de feridos ou até mortes. Além disso, será verificada a utilização de cintos de segurança e de cadeirinhas para as crianças, a questão de embriaguez ao volante, o excesso de velocidade que está presente em grande parte dos acidentes, principalmente nas travessias urbana, e também da falta de atenção dos motoristas”, explica. Aurélio explica que qualquer emergência a pessoa poderá ligar no número 191, onde as equipes estarão à disposição.

Já a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) deve iniciar as operações pelas estradas estaduais, a partir da manhã desta sexta-feira (3). Os principais objetivos serão coibir o excesso de velocidade e combater a embriaguez ao volante, além de outros fatores.

*Com Assessoria

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.