Conselhos úteis de um desequilibrado…

Conselhos úteis de um desequilibrado…

A princípio eu não tinha certeza se gastar as economias com um carro era uma boa nesta pandemia. Eu pensei sobre o caso duas semanas para decidir se devia comprar um e parar de andar de ônibus. Mas hoje só tenho uma certeza: eu e meu saldo bancário lamentamos a decisão! Quando abasteci em dezembro, paguei 3,89 o litro de gasolina, mas pensei com meus botões: Eu amo este Ford KA, o ar condicionado deixa ele fresquinho! Então, como um novo proprietário automotivo, só tive más notícias. A primeira delas foi esta: “O Ford Ka não vai mais ser fabricado no Brasil”. Isso significa que se eu me apertar, por quanto deverei vender o meu? Vou perder na venda? Também pude constatar outra desilusão: o preço da gasolina de dezembro de 2020 já não existe mais. Ela, num passe de mágica, passou para 4,49 o litro nos postos da cidade! Pela TV, acompanhei esta revelação bem interessante: a divulgação, pela Petrobrás, dos impostos cumulativos que norteiam os preços dos combustíveis! Nosso Presidente de imediato afirmou: quer discutir com os responsáveis algo a fazer sobre o preço dos combustíveis! (A disparada nos preços dos combustíveis são considerados, politicamente, ruins para a popularidade do governo). Mas os Governadores logo rebateram: “Não é cabível vulnerabilizar o “equilíbrio fiscal” dos Estados, reduzindo o ICMS do combustível, em plena Pandemia!“ O que eu devia fazer, na condição de “desequilibrado fiscal” da periferia? Reduzir minhas opções! Devolvi o carro com 3 parcelas pagas e comprei uma bicicleta…pedalar faz bem para a saúde! Agora sim, minha saúde anda ótima! Nesse Brasil pandêmico, os políticos parecem estar doentes! Brigam muito! Deveriam vender os seus carros!

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.