Visita de Bolsonaro ao Paraná foi um sucesso

Visita de Bolsonaro ao Paraná foi um sucesso

Da Assessoria

5 de novembro de 2021 já está marcado na história, com o presidente Jair Bolsonaro desembarcando no Paraná, a convite da deputada Federal Aline Sleutjes, para realizar entregas e divulgar vários programas e ações dos seus Ministérios.

O primeiro evento aconteceu no município de Ponta Grossa e logo após na cidade de Castro, seguido de um jantar. No sábado (6) a Associação Motociata Paraná promoveu uma passeio de motocicletas com a presença de cerca de 5 mil motos, além de carros, jeeps e caminhões. Esse evento contou com a participação do presidente da república que pilotou o trecho de 76 km de Piraí do Sul até Ponta Grossa.

Ponta Grossa

Recebido por centenas de apoiadores no aeroporto, o presidente iniciou a agenda no município de Ponta Grossa, no Centro e Eventos da cidade, sendo recebido por cerca de 2 mil convidados. A abertura da solenidade se deu com a execução do hino nacional pelos alunos da Escola Cívico Militar, na sequência houve a entrega da bandeira da Escola, camiseta do time da Cidade – o Operário -, e cartas dos alunos ao presidente Bolsonaro.

O evento foi marcado por entregas do governo federal, entre elas a ampliação do sistema de abastecimento de água de Ponta Grossa, concretizado pelo governo Bolsonaro.

Um dos discursos mais ovacionados foi o da deputada federal Aline Sleutjes, vice-líder do governo no Congresso Nacional e presidente da Comissão de Agricultura, que enfatizou a importância e excelência do governo federal.
“Quero agradecer pela confiança, por terem me dado a oportunidade de representá-los em Brasília e quero dizer à vocês que hoje é um dia de muita realização, eu sonhei muito com o dia de trazer o presidente Jair Bolsonaro para a nossa região, para ele ver o amor que o povo tem por ele, para mostrar a força do nosso agro, para mostrar a capacidade do nosso povo trabalhador. Presidente, se tenho mais algum pedido ao senhor é que continue sendo esse homem simples, trabalhador, honesto, patriota, conservador, que respeita os valores, que luta arduamente dia, noite e madrugada por todos nós. Presidente continue conosco, que nós continuaremos com o senhor, porque nós jamais largaremos a sua mão, Deus abençoes, juntos somos mais fortes!”, finalizou a parlamentar.

O discurso mais aguardado em Ponta Grossa foi o do presidente da República. O discurso foi leve e descontraído, e logo de início mencionou as dificuldades de gerir um município como Ponta Grossa e disse que há grandes dificuldades em gerir um país, ainda mais em tempos de pandemia. Segundo o presidente “contamos com um apoio muito grande do parlamento, dos deputados paranaenses, em especial da deputada Aline Sleutjes que me convidou para vir aqui. Vocês não sabem o que é um convite da Aline, você tem que aceitar!”, disse Bolsonaro em tom descontraído, enfatizando a força e o poder de persuasão da líder do governo.

Segundo Bolsonaro “cada vez mais os outros países estão entendendo o quanto o Brasil representa para o mundo, a cada cinco pessoas lá fora, uma é alimentada por nós, isso é muito gratificante. O agro está muito bem representado por nossa ministra Tereza Cristina, nós somos exemplo, nós somos solução para o mundo”.

No término da cerimônia a plateia o aplaudiu em pé. O evento foi um sucesso, organizado pela equipe da deputada federal Aline Sleutjes, Acipg, Prefeitura de Ponta Grossa, com esforço especial do vice-prefeito Capitão Saulo, carinhosamente apelidado de “Capita” pelo presidente Bolsonaro. Não houve registro de qualquer incidente ou protesto.

Castro

Após o evento em Ponta Grossa a comitiva presidencial se dirigiu para a cidade de Castro, para o segundo evento do dia. O presidente chegou com a comitiva e foi direto para o meio do povo, entre cumprimentos, fotos, presentes e muita emoção.

Logo no início foi lançado o programa ‘Roda bem Caminhoneiro’ que tem por objetivo oferecer infraestrutura, capacitação e assessoria técnica aos caminhoneiros autônomos. A ideia é melhorar a renda e qualidade de vida da categoria.

Na oportunidade foram entregues títulos de propriedade rural do assentamento Mãe de Deus em Jardim Olinda (PR). Em 14 anos do governo antecessor foram entregues dez títulos de propriedade no estado do Paraná e em menos de três anos do governo Bolsonaro, foram entregues entre títulos definitivos e títulos provisórios, cerca de 5.700 só neste evento.
Novamente Aline Sleutjes discursou e foi ovacionada pelo público muitas vezes. A parlamentar enfatizou que esta é a primeira vez na história que a cidade recebe um presidente da república.

“Esse evento tem um motivo muito especial para mim, resultado de muito trabalho e dedicação. A história de Castro, a história da Castrolanda, a história o presidente Bolsonaro e a minha história têm algo em comum, a superação! Os imigrantes holandeses chegaram aqui com poucas roupas, algumas vaquinhas e muita esperança, hoje depois de muito esforço e trabalho somos conhecidos como a Capital Nacional do leite, somos os maiores produtores de leite do país, a Castrolanda é gigante, referência no Cooperativismo Nacional. Na minha história política tive que superar muitas coisas para chegar onde estou hoje e certamente a vida do nosso presidente também não foi fácil, como não é fácil para todos os presentes, mas nós enfrentamos as dificuldades e superamos todos os desafios!”, afirmou Sleutjes para cerca de 3 mil pessoas que foram prestigiar o evento.

Bolsonaro foi aplaudido pelo público e em seu discurso várias vezes, citou os 14 anos de desvios feitos no BNDES no governo anterior, que chegaram a meio trilhão de reais. Citou o sucesso dos ministérios e da escolha dos ministros que serão lembrados na história brasileira e declarou “Peço a Deus pouca coisa, só força e coragem, que ele me permita deixar para as crianças, lá na frente, um Brasil bem melhor daquele que recebi em 2019” e completou: “Jamais esperava ser vereador e fui, de repente deputado federal e confesso para vocês que decidi no final de 2014 que iria disputar a presidência, comecei a andar pelo Brasil, alguns me tratavam como maluco, mas eu acreditei, lutei e hoje estou aqui”, finalizou o presidente.

Bolsonaro retornou a Brasília no sábado (6), após percorrer os municípios de Piraí do Sul e Palmeira, nesse mesmo dia.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.