Deputada Aline Sleutjes se recupera após passar mal; médicos descartaram infarto

Deputada Aline Sleutjes se recupera após passar mal; médicos descartaram infarto

Sandro Adriano Carrilho

Ainda sem um diagnóstico sobre o que a levou passar mal no sábado (23), quando retornava de Rolândia para Castro, a deputada federal Aline Sluetjes (PROS) continua realizando bateria de exames e cancelou toda a sua agenda até segunda ordem.

Pré-candidata ao Senado Federal, Aline passou mal durante a madrugada de sábado para domingo (24), quando retornava para casa. Com dores fortes no estômago que radiava para os braços, o seu chefe de Gabinete, Marcelo Collere, que a acompanhava nesse retorno ao lado do assessor Marcelo Vinícius, a levaram ao Hospital São José, na cidade de Curiúva, evido a proximidade. Segundo a própria parlamentar, em entrevista ao Página Um News, ela foi internada, a medicaram, e seguiu viagem ainda no domingo para Castro.

Como as dores persistiram, deslocou-se de Castro até Ponta Grossa, e na Santa Casa a internaram na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde foram realizados vários exames durante o dia, sendo descartado o diagnóstico de infarto. Aline foi para o quarto perto da meia-noite de segunda para terça-feira (26), e novos exames foram realizados para verificar se as veias não estavam obstruídas, e nada de irregular foi detectado, sendo liberada para retornar para casa.

Na quarta e quinta-feira (28), com as dores continuando, novos exames, desta vez no esôfago, estômago e intestino. Aline disse na tarde de quinta-feira que “estou com dor ainda, por isso não pararam os exames até descobrir o que é”. E, continuou: “se Deus quiser que descubram o que tenho, e melhore, já volto semana que vem”.

Caravana

Desde que retornou com a caravana, a deputada mantinha agenda diária pelo interior do Paraná, dividindo Brasília com as viagens e as inúmeras reuniões. Na noite de terça-feira (26), ao lado de prefeitos, vereadores e lideranças paranaenses em Brasília, Aline Sleutjes participaria, presencialmente, de um jantar oferecido pelo PROS à sua pré-candidata ao Senado, mas, por questões de saúde que a impediram de estar na Capital Federal, a parlamentar marcou presença de forma remota, pediu desculpas pela ausência e agradeceu o apoio de todos.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.