Castro teve inadimplência de mais de 23% no IPVA neste ano

Castro teve inadimplência de mais de 23% no IPVA neste ano

Em cinco anos, salto foi de 19,1% na inadimplência

Luana Dias

Em cinco anos o número de inadimplentes do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) cresceu mais de 19% em Castro. Os dados fazem parte de um relatório emitido pela 3ª Delegacia Regional da Receita Estadual (DRR) de Ponta Grossa, na quarta-feira (22). O material apresenta números do últimos cinco exercícios no município.

Em 2018 Castro tinha 23.335 veículos registrados e que ainda aptos ao recolhimento de IPVA. O total a ser arrecadado naquele ano, com a quitação do imposto, era de R$ 17.108.745,29, e foi registrado 4,3% de pendência, ou seja, um total de R$ 743.472,50 deixou de entrar nos cofres públicos com o não recolhimento do IPVA.

No ano seguinte, já com 23.827 veículos registrados e com a previsão de gerar R$ 18.826.414,86 em IPVA, a cidade teve 4,9% de inadimplência no exercício. Em 2020 eram 24.597 veículos pagantes e a previsão de R$ 20.421.650,92 recolhidos em IPVA. No total foram registrados R$ 1.147.115,23 de inadimplência, ou seja, 5,6% do total.

Já no ano de 2021 tanto o número de veículos, como o índice de inadimplentes deu um salto ainda mais significativo no município. Castro tinha na época 25.510 veículos registrados e em condições de recolhimento do imposto, e o valor gerado pelo pagamento deveria ser de R$ 21.988.659,15, porém, houve uma inadimplência de R$ 1.781.029, 49, o que corresponde a mais de 8% do valor.

Em 2022, cujo período de pagamento do imposto terminou no mês de maio, o número de veículos registrados na cidade subiu para 26.427. Com o recolhimento do IPVA pretendia-se gerar um valor de R$ 31.084.134,39, porém, o índice de inadimplência chegou a 23,4%, o que significa que mais de R$ 6.895.305 deixaram de entrar para os cofres públicos em função do não pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.