Pandemia coloca Carnaval de Tibagi em xeque

Pandemia coloca Carnaval de Tibagi em xeque

Luana Dias

Até o destino do Carnaval de Tibagi, que é um dos eventos mais tradicionais na região, está ameaçado por conta da preocupação causada pelas novas variantes do coronavírus. A prefeitura do município realizou recentemente o processo licitatório para a seleção de uma empresa que pudesse cuidar da edição do próximo ano, assim como realizar outras festas na cidade, porém, a licitação foi deserta. Ou seja, nenhuma empresa se candidatou para assumir o evento em 2022, mesmo se tratando de uma festa tão popular.

De acordo com o secretário de Turismo de Tibagi, Rhamonn Cottar, o não comparecimento das empresas é justamente devido à preocupação quanto ao futuro dos eventos, já que o surgimento de uma nova variante do vírus causador da pandemia, que assombra o cenário dos eventos há quase dois anos, pode trazer mais restrições para o setor e até provocar novos lockdowns. “Soubemos que foi reflexo do avanço da nova variante do coronovírus. Investidores entenderam ser muito arriscado participar de um edital que atribuía grandes investimentos com a incerteza de poder realizar eventos com grande concentração de público, em especial o próprio Carnaval”, destacou o entrevistado.

Segundo explicou Rhamonn, a proposta do primeiro edital de licitação era manter a realização do Carnaval, mas em um formato que não gerasse custos para a prefeitura. Para os próximos dias, o prefeito da cidade pretende reunir autoridades sanitárias do município, representantes de entidades e a população para discutir o assunto, e definir, se um novo processo licitatório será realizado. “O prefeito fará uma reunião sobre o assunto para avaliar o cenário pandêmico”, finalizou o secretário.

Foto: Prefeito Artur Butina Nolte planeja reunião para discutir o tema

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.