Covid-19: Aplicativo para agendamento de vacinas estará disponível para a população a partir de quarta-feira; entenda como fazer o cadastro

Covid-19: Aplicativo para agendamento de vacinas estará disponível para a população a partir de quarta-feira; entenda como fazer o cadastro

*Da Assessoria

Carambeí – A partir de quarta-feira (9) estará disponível para toda a população o aplicativo VacinaCard, que permite de forma rápida o cadastro e o agendamento online para a vacinação contra a Covid-19 em Carambeí.
O ‘app’ já está disponível para smartphones Android e IOS, e pode ser baixado na loja de aplicativos do próprio celular. No VacinaCard, a população agendará horário e o local de vacinação, como também, se precisar, será possível ‘desmarcar’ o agendamento. Para fazer o cadastro no sistema, a população precisa ter em mãos o Cadastro de Pessoa Física (CPF) e uma conta de e-mail (Gmail), ou ‘logar’ pelo Facebook.

Para esta quinta-feira (10), os pais de crianças de 6 a 11 anos, que tomaram a primeira dose de CoronaVac entre 10 e 16 de fevereiro de 2022, poderão fazer o cadastro e escolher horário para se vacinar entre 8h30 às 12 horas e das 13 às 16 horas.

Aplicativo

Nesta primeira fase, o aplicativo funcionará de forma experimental e promete agilizar o processo de agendamento de vacinas, gerar relatórios e fazer o monitoramento da população vacinada.

A proposta de testar o aplicativo, que já foi utilizado por Ponta Grossa para o agendamento de vacinas, passou por atualizações e pode ser utilizado para qualquer tipo de agendamento que o Município necessite fazer.
O ‘app’ servirá para gestão de vacinas, além da Covid-19. “É uma tecnologia que servirá para desburocratizar esse serviço”, explicou professor Nelson, um dos idealizadores da ferramenta.

A prefeita Elisangela Pedroso disse estar bastante entusiasmada com o agendamento on-line pelo aplicativo e que Carambeí é a primeira dos Campos Gerais a contar com a tecnologia. “É importante que toda a população baixe e faça o cadastro no aplicativo para que possamos iniciar os testes de agendamento”, frisou.

A secretária de Saúde, Juliane Dorosxi, explica que será disponibilizado nas redes sociais do município um espaço para que a população possa relatar possíveis dificuldades em relação ao aplicativo.

“É algo muito novo, apenas as cidades de Curitiba, Londrina e Maringá possuem essa tecnologia no Paraná. Então, pedimos a colaboração das pessoas em relação ao aplicativo, prevendo eventualmente algum tipo de dificuldade que possa acontecer no cadastro ou agendamento”, acrescentou a secretária.

*Com redação

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.