Veja os dez fatos marcantes na região

Veja os dez fatos marcantes na região

Luana Dias

Assim como Castro, a reportagem do Página Um News traz os dez fatos mais marcantes ocorridos nas cidades de Carambeí, Palmeira, Tibagi e Piraí do Sul.

Catanduvas recebeu pavimento
Uma das obras mais esperadas pela população de Carambeí começou a ser executada em janeiro deste ano. Trata-se da pavimentação asfáltica da Estrada do Catanduvas, cuja liberação de recursos ocorreu em maio de 2018. Foi pavimentado um trecho de seis quilômetros, entre o início da estrada e proximidades com o ‘Bar do Cabelo’. Também houve construção da base, drenagem, pavimentação em Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), travessia de bueiros e de sarjetas, remoção e realocação de cercas em determinados pontos e suavização de curvas, além de sinalização horizontal e vertical.

Mãe e filha são sepultadas em Piraí
Um caso ocorrido no dia 4 de março, em Curitiba, chocou paranaenses e, principalmente, moradores de Pirai do Sul. Maritza Guimarães de Souza, de 41 anos, e a filha Ana Carolina de Souza, de 16, foram encontradas mortas e abraçadas atrás de um sofá na sala do sobrado em que a família vivia na capital. Ambas foram assassinadas pelo delegado Erik Busetti com cerca de nove disparos de arma de fogo. Maritza trabalhava como escrivã e era natural de Piraí do Sul. Inclusive os corpos dela e da filha, após serem velados na Escola Superior da Polícia Civil, em Curitiba, foram levados para a Piraí do Sul, onde também ocorreu o sepultamento.

Foto: Divulgação

Castro e cidades da região sofreram com estiagem
A estiagem também foi uma ocorrência que marcou o ano de 2020, dificultando a vida de muitos dos que vivem da terra, e mudando a paisagem de rios em toda região. Em Castro, as águas do Rio Iapó que é o principal fornecedor da cidade, baixaram significativamente, deixando visíveis as pedras que ficavam submersas no Balneário Libânio Estanislau Cardoso (Prainha). Em Carambeí o Rio São João teve sua vazão rigorosamente reduzida, assim como a Represa do Alagados, que fica entre a cidade vizinha e Ponta Grossa, por lá o nível da água chegou a ficar bem abaixo do normal. O mesmo ocorreu com o Rio Pitangui, responsável pela captação de 70% da água no município, devido a estiagem chegou a operar com só 60% da captação. O Rio Tibagi, um dos maios conhecidos da região, também foi castigado, seu fundo ficou visível e totalmente seco. Na cidade de Palmeira chegou a ser decretada situação de emergência municipal, em razão da estiagem que assolou os Campos Gerais.

Rio Tibagi. Foto: Divulgação

Palmeira suspende 12ª edição da Expo Palmeira
Em maio mais um evento foi cancelado na região, devido a pandemia do novo coronavírus. Desta vez, a Expo Palmeira, que seria realizada de 7 a 10 de maio, juntamente com a Feira de Agronegócios, foi suspensa. Na época, o prefeito Edir Havrechaki afirmou que a pandemia foi o principal motivo para o cancelamento da festa, por se tratar de algo que atingiu e mudou a realidade do mundo. “Temos que ser responsáveis e pensar no bem de nossa população. Neste momento precisamos ficar distantes para ficarmos mais protegidos contra a Covid-19”, disse.

Tibagi e região confirmam primeiros casos e primeiros óbitos por Covid
Na cidade de Tibagi o primeiro caso de Covid-19 foi confirmado no dia 4 de junho. O paciente – um homem de 39 anos, morador da cidade, que realizou exame em laboratório particular e atestou positivo para coronavírus. Já um dos primeiros óbitos confirmados na região, em decorrência da doença, foi registrado em Ponta Grossa, no dia 7 do mesmo mês. O paciente era de sexo masculino, 68 anos e estava hospitalizado em instituição particular.
A primeira morte registrada na cidade de Piraí do Sul ocorreu no dia 25 de junho. A vítima era um homem de 48 anos de idade, soldado da Polícia Militar. Ele estava internado desde o início do mês na Santa Casa de Ponta Grossa, e segundo informações às quais a reportagem teve acesso, o policial tinha problemas cardíacos e diabetes. Nesta época Carambeí já havia registrado dois óbitos pela Covid-19 e Jaguariaíva uma morte.

Temporal causa estragos em Pirai do Sul e região
O forte temporal que ocorreu entre a noite de 27 e a madrugada de 28 de setembro causou estragos em vários municípios paranaenses. Em Piraí do Sul, uma das cidades mais atingidas da região, a Defesa Civil atendeu três destelhamentos e uma queda de árvore, mas, segundo os agentes, houve mais estragos, mas as pessoas conseguiram resolver por conta. Não houve feridos. Em Castro, o Corpo de Bombeiros registrou apenas uma queda de árvore. Tibagi, Ponta Grossa e Telêmaco Borba também tiveram estragos com o temporal.

Foto: Divulgação

Prefeitura de Carambeí ganha sede própria
Depois de 25 anos pagando aluguel de espaços que abrigavam o passo municipal e as secretarias, a Prefeitura de Carambeí ganhou sede própria.
A obra da nova sede foi inaugurada no dia 14 de dezembro, pelo prefeito de Carambeí, Osmar Blum. De acordo com a prefeitura, a edificação realizada em 20 meses se apresenta como uma referência no Jardim Europa e se consagra como um importante ícone na história contemporânea de Carambeí. A estrutura arquitetônica integra elementos que remetem ao estilo europeu contrastado com a modernidade do vidro e concreto aparente.

Colégios cívico-militares em Ponta Grossa, Castro, Carambeí, Tibagi, Palmeira e Porto Amazonas
Em outubro deste ano começou o processo para aprovação e posterior implantação de colégios cívico-militares nas cidades de Ponta Grossa, Castro, Carambeí, Tibagi, Palmeira e Porto Amazonas. O programa que será implementado em 215 colégios estaduais de 117 municípios é o maior do País nessa modalidade. O programa é voltado nesse primeiro momento para municípios com mais de dez mil habitantes. Os critérios estabelecidos pela lei foram existência de ao menos duas escolas estaduais na área urbana, alto índice de vulnerabilidade social, baixos índices de fluxo e rendimento escolar e que não ofertem ensino noturno. A implantação ocorre a partir do início de 2021.

Palácio da Viscondessa é reinaugurado em Palmeira
Em dezembro deste ano a Secretaria Municipal Cultura, Patrimônio Histórico, Turismo e Relações Públicas de Palmeira reinaugurou o Palácio da Viscondessa Querubina Rosa Marcondes de Sá, antiga sede do Poder Executivo. O espaço foi restaurado e sua estrutura interna foi reorganizada, contando agora com a Biblioteca Pública Municipal no andar térreo, Sala de Artes, Sala do Artista Palmeirense, Sala das Maquetes, Salão Nobre, sala do gestor, Gabinete e sala da Chefia de Gabinete no primeiro andar, além do Instituto Histórico e Geográfico de Palmeira, Grupo Escoteiro Tropeiros, Sala Oscar Teixeira de Oliveira, Arquivo e Biblioteca e Auditório no segundo andar

Tibagi
Em 2020 a cidade de Tibagi foi a única dos Campos Gerais a constar no ranking dos 100 maiores produtores agrícolas do Brasil, segundo a Pesquisa Agrícola Municipal (PAM) 2019, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O município ocupa a 68ª posição no ranking; outros dois paranaenses que também constam na lista são Guarapuava (55ª) e Cascavel (78ª). Castro, que em 2018 ocupava a 83ª colocação, está fora do grupo dos 100 maiores.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.