Rondonistas da UEPG preparam Operação Amapá Mais Forte

Rondonistas da UEPG preparam Operação Amapá Mais Forte

Da Assessoria

A equipe da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) está preparando a Operação Amapá Mais Forte, do Projeto Rondon, que acontece em fevereiro de 2022. Oito acadêmicos e dois professores da UEPG irão atuar na cidade de Calçoene, em conjunto com a equipe da Universidade de Taubaté (Unitau). Em uma primeira ação realizada, foram arrecadados livros para serem doados à biblioteca da cidade.

As oficinas organizadas pela UEPG estão focadas nas áreas de Comunicação, Meio Ambiente, Trabalho, Tecnologia e Produção. Ao longo do mês de dezembro, os rondonistas participaram de reuniões de preparação para a Operação e conheceram os integrantes da equipe da Unitau. “Ficamos um pouco nervosos e criando expectativas imaginando como a experiência irá ser, mas é muito empolgante pensar que em pouco tempo, vamos contribuir com a vida dos moradores da cidade”, destaca a acadêmica de Bacharelado em Biologia, Vitória Iurk.

Esta é a primeira vez que rondonistas da UEPG irão para o Hemisfério Norte, visto que a cidade de Calçoene se localiza acima da Linha do Equador. A professora Marilisa do Rocio Oliveira, do departamento de Administração, participou da viagem precursora em outubro deste ano, como forma de conhecer o município e as demandas dos moradores. “Os dias que permanecemos foram de muitas reuniões com as lideranças, conversas com os moradores e visitas a locais onde UEPG e Unitau irão atuar”, relata.

A professora destaca que a recepção da cidade foi positiva e que os rondonistas terão bastante trabalho para realizar. “Muitos dos moradores são pescadores, existem algumas comunidades quilombolas e uma natureza que mistura parte do cerrado e parte da floresta amazônica. Identificamos problemas com desmatamento, poluição da água, até por conta dos garimpos que funcionam na região”, conta. Ao mesmo tempo, Marilisa descreve ações afirmativas que já existem no município. “Há um trabalho intenso com relação ao empreendedorismo, relacionado ao artesanato e grupos de mulheres, além de trabalhos sociais de combate à fome e às drogas”, exemplifica.

A equipe de Rondonistas da UEPG é formada por Ana Paula Gonçalves (Licenciatura em Geografia), Beatriz Santos (Administração), Bruna Camargo (Serviço Social), Daniela Valenga (Jornalismo), Geórgia Bertoldi (Direito), Mariana Lacerda Marques (Turismo), Mateus Gelinski (Agronomia) e Vitória Iurk (Bacharelado em Biologia). Os professores Silvio Luiz Rutz da Silva, do Departamento de Física, e Marilisa do Rocio Oliveira, do Departamento de Administração, coordenam a equipe.

Projeto Rondon

O Rondon é um projeto de integração social que envolve a participação voluntária de estudantes universitários na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população. Mais do que um projeto educacional e social, é uma ferramenta de transformação social, na medida em que conscientiza jovens da importância do seu papel de protagonista na busca de uma sociedade mais justa.

A UEPG participa do Projeto Rondon desde 2006, com 23 operações integradas. Em cada uma delas, a equipe da UEPG contou com dois professores coordenadores e de seis a oito acadêmicos. Cerca de 200 estudantes da UEPG já compartilharam conhecimentos com comunidades com características socioculturais das mais diversas, assim como conheceram realidades geográficas, sociais e econômicas diferentes das que vivenciam diariamente.

“Nenhuma Operação Rondon é como a outra. A equipe, o lugar, os moradores são diferentes, o que torna cada experiência única”, destaca o professor Silvio. Ele descreve o Rondon como uma experiência de humanidade. “No dia a dia, quase sempre circulamos e nem olhamos para o que está acontecendo ao nosso redor. No Rondon, é um momento desacelerar e se permitir viver a experiência e conhecer realidades totalmente diferentes da nossa”, finaliza.

Texto e fotos: Daniela Valenga | Adaptado por Aline Jasper

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.