Tarja Preta

Tarja Preta

FESTA
O Ministério Público deve investigar a fundo o vídeo que vem circulando nas redes sociais desde o começo da semana, onde mostra a realização de uma festa com a presença do prefeito castrense Moacyr Elias Fadel Junior; o secretário Emerson Gobbo, da pasta de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, além de muitos jovens fumando narguilé e bebendo, sem qualquer proteção.

FESTA II
Isso, porque, se o vídeo for atual, está se cometendo todo tipo de infração, desde o não uso de máscara, distanciamento e aglomeração. A lei assinada pelo chefe do executivo é clara e prevê, neste caso, multa e encaminhamento para lavratura de termo circunstanciado. Seja quem for, ‘sem choro e nem vela’.


FALA PREFEITO
Seria de bom tom, até para que o prefeito preserve o seu nome e das pessoas que aparecem no vídeo, que se pronuncie. Neste caso, o Tarja Preta e até mesmo o jornal Página Um News, abrem espaço para que o chefe do executivo esclareça essa questão bastante grave.

FALA PREFEITO II
Para os de pouca memória, o prefeito Moacyr usou por várias vezes a rede social como forma de alertar os castrenses para o uso de máscara, álcool em gel, e que se mantenha o distanciamento. Inclusive, sacrificou o comércio, determinando o fechamento das lojas como forma de prevenção. Então, não seria sensato, em uma cidade que registra 238 mortes por covid-19, que se promova festa para agradar quem quer que seja.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.