Tarja Preta

Tarja Preta

BETO PRETO
Sem alarde, o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, esteve na sexta-feira (16) em Tibagi. Comprometeu-se em ajudar o município até com aporte financeiro, desde que seja no combate à Covid-19. Trouxe 505 doses de vacina e a promessa de três veículos para a saúde básica.

BETO PRETO II
E existe uma justificativa preocupante para o secretário ter visitado a melhor cidadezinha do Brasil. Até essa segunda-feira (19) o município de pouco mais de 22 mil habitantes alcançou a marca de 68 óbitos, muito maior que a vizinha cidade de Carambeí com população equivalente, e de cidades mais populosas, a exemplo de Palmeira.

E CASTRO?
Pelas terras do Iapó, já começam a ser vacinados os idosos de 65 anos. Os com idade superior, a aplicação da dose não para, mas é preciso observar as datas. O medo é quanto a possível falta de vacinas contra à Covid.

UM NOVO IMPASSE?
Ainda não há resposta formal da prefeitura de Castro para os pedidos de repactuação de contrato e de deferimento de subsídio, protocolados pela Viação Cidade de Castro (VCC) junto ao órgão no mês passado. De acordo com informações confirmadas antes de o final de semana pelo advogado da VCC, Marcos Müller Cwiertnia, os documentos ainda estariam em análise, porém, o setor de Procuradoria do município diz que aguarda documentos solicitados à empresa para que proceda a análise dos pedidos de repactuação e subsídio. De acordo com a Procuradoria, uma Comissão Especial de Transporte Público espera a apresentação de notas fiscais e detalhamento sobre as variações de custos da VCC. O advogado da empresa, até no momento da entrevista, não havia recebido nenhum pedido de documento por parte da prefeitura. E agora?

HOLOFOTES
No sábado (17) integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), dos acampamentos Maria Rosa do Contestado e Padre Roque Zimmermann, de Castro, e Emiliano Zapata, de Ponta Grossa, realizaram ato simbólico de embelezamento no hospital Cruz Vermelha. Voluntários capinaram e renovaram a pintura dos muros, meio-fio e sinalizações. Queriam holofotes e a simpatia da população, e ganharam. Resta saber qual foi a real intenção.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.