Menos acidentes graves e feridos na Operação Tiradentes 2022

Menos acidentes graves e feridos na Operação Tiradentes 2022

Da Assessoria

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 deste domingo (24), a Operação Tiradentes 2022. Neste ano, durante os quatro dias de operação, que teve início na quinta-feira (21), 143 motoristas foram flagrados ultrapassando em locais proibidos e em quase cem veículos (97) algum dos ocupantes não utilizava o cinto de segurança, medida básica de responsabilidade de todos. Ainda, 69 motoristas foram autuados por embriaguez, sendo que 11 foram detidos por crime de trânsito.

No período da operação nas rodovias federais paranaenses, foram registradas 92 ocorrências de acidentes, com 81 feridos e cinco óbitos.

Em comparação ao mesmo período de 2019, o ano mais recente com similaridade entre os períodos e sem a incidência da pandemia, os números apresentam estabilidade no índice de acidentes e mortes e redução considerável na quantidade de acidentes graves e feridos.

Os números apresentaram redução de mortes em relação ao mesmo feriado prolongado de 2020, mesmo que naquele ano já tenha sido declarado o estado de pandemia e impostas as restrições de circulação.

Nos Campos Gerais

No Campos Gerais foram registrados 7 acidentes com 3 feridos e nenhuma morte. A colisão com objeto (42,9%) e a saída de pista (28,7%) foram os tipos de acidente mais registrados. A ausência de reação do condutor (42,9%) foi a principal causa dos acidentes. O acidente mais grave ocorreu no dia 22, por volta das 15 horas, em Tibagi, em que um veículo Gol de Jaguariaíva capotou resultando em 2 pessoas feridas, uma delas com gravidade.

As equipes da PRF fiscalizaram 574 veículos e 574 pessoas. Quatro condutores conduziam o veículo sob efeito de álcool, dois deles encaminhados à Polícia Civil por crime de trânsito. Foram flagradas 26 ultrapassagens indevidas, 3 ocupantes de veículo estavam sem cinto de segurança, uma criança sendo transportada sem o uso do dispositivo de retenção, a cadeirinha. Dentre os motoristas profissionais, 5 condutores foram flagrados com o exame toxicológico vencido e 15 por desrespeitando a lei do descanso. Além desses números, 9 veículos foram recolhidos aos pátios da PRF por problemas na documentação ou por não estarem em condições de segurança e 43 CRLVs foram recolhidos para regularização dos veículos.

No dia 22, no km 432 da BR 376, em Tibagi, por volta das 17 horas, foi recuperado um veículo Línea, com placas de Telêmaco Borba, com queixa de furto naquela cidade. No dia 24, no Posto PRF de Irati, foram apreendidos 5,98 kg de maconha em um veículo Pálio de Curitiba, e uma pessoa foi presa.

Comparação com a operação de 2019 e 2020 no Paraná

——-AcidentesAcidentes GravesFeridosMortes
2019992211304
202065146109
202292168105

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.