Presos ex-candidato a prefeito de Irati e sua convivente

Presos ex-candidato a prefeito de Irati e sua convivente

Da Redação

Irati – Após 11 meses de intensa investigação que envolveu até quebra de sigilo bancário e telefônico, a Polícia Civil prendeu por estelionato e lavagem de dinheiro, candidato a prefeito de Irati e sua convivente. Eles são suspeitos de aplicarem golpes que ultrapassam R$ 300 mil em vítimas de cinco cidades da região.

Segundo diligências, o investigado e sua companheira prometiam construir casas de madeira, apresentando panfletos e propaganda de empresas das quais não trabalhavam. Enganavam as vítimas dizendo serem de determinada empresa e prometiam a construção da moradia. As vitimas, acreditando no sonho de uma residência própria, vendiam seus bens para realizar altos pagamentos para os investigados. O problema é que essas vítimas não viam seus sonhos se realizarem.
E, ainda, quando procurados pelas vítimas, eles sumiam sem dar qualquer explicação. Inclusive, deixavam de comparecer na polícia quando intimados, de maneira a desacreditar que seriam alvo de investigações.

Vítimas

Foram identificadas vítimas em Irati, União da Vitória, Rio Azul, Guarapuava e Mallet, mas acredita-se que são muito mais. Uma das vítimas, inclusive, ja faleceu sem ver terminada sua casa.

Durante as investigações, foi apurado que os estelionatários, além do golpe para obter dinheiro fácil, dissimulavam a origem dele fazendo pequenos depósitos em suas contas, bem como gastavam de forma pulverizada os demais valores.

Com a prisão, os investigados serão agora interrogados. A Polícia Civil pede para que, caso existam outras vítimas, que entrem em contato.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.