Deputada Aline Sleutjes participa do lançamento do programa ‘Soja Legal’

Deputada Aline Sleutjes participa do lançamento do programa ‘Soja Legal’

Da Assessoria

“Um novo conceito de sustentabilidade para o Brasil e para o mundo”, foi com esse olhar que o presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja MT), Fernando Cadore, lançou o Programa Soja Legal, na noite de terça-feira (22), em Brasília. A cerimônia contou com a presença de ministros, parlamentares e chefes de poderes.

No discurso, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, afirmou que “Aprosoja MT mais uma vez sai na frente com o lançamento do Soja Legal. É um passo para se chegar na certificação, mostrando para o mundo que a soja brasileira é sustentável”.

Já o ministro Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas reforçou todas as obras estruturantes que o Governo Federal tem realizado possibilitando que o setor produtivo de grãos se desenvolva cada vez mais. “Também iniciamos tratativas com bancos para linhas de crédito para armazenagens menos burocráticas e financiamentos mais simples para os nossos produtores”, declarou.

“Esse lançamento é um passo para reverter a falsa narrativa que foi instituída em relação ao agro. Os produtores brasileiros são exemplos de sustentabilidade. Mato Grosso representa uma potência para o país e o mundo”, disse o então ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

“A Aprosoja é assim, ela deixa de fazer por si para fazer por nós, busca novas tecnologias, desenvolve novos programas, aprimora projetos, e faz com que criemos novos sonhos, faz com que acreditemos que podemos ir além. Nós estamos em um momento que enfrentamos todos os dias desafios, mais eles estão sendo superados, na minha comissão nós temos mais de 300 projetos tramitando, audiências públicas toda semana, reuniões com setores, instituições, FPA, CNA, OCB, IPA entre outras, porque nós acreditamos neste Brasil, acreditamos no Agro, acreditamos neste presidente, que entrou para fazer a diferença e para construir um novo país. Vivemos em um Brasil de diversidades, um Brasil onde você tem do norte ao sul realidades diferentes, condições diferentes, temos feito bastante, e posso dizer a vocês que em nenhum momento me envergonho do trabalho que faço como presidente desta comissão, como voz do agro hoje em Brasília, ao lado dos nobres colegas, deputados que deixaram como eu, seus afazeres, suas profissões, suas famílias, para contribuirem com esse Brasil. Por muito tempo nós vimos os desafios sendo superados com grandes dificuldades, mas hoje nós vemos os desafios sendo superados com muita rapidez, é o 5G, a conectividade, as grandes obras desenvolvidas pelo ministério da infraestrutura, programas, projetos, um legado que vem para ficar. As dificuldades nos mostraram que com dedicação e comprometimento nós podemos fazer um Brasil ainda melhor, nós podemos construir um futuro melhor. Eu cheguei em Brasília, para construir um País melhor do que me deixaram, e nós temos conseguido fazer este gigante amadurecer todos os dias, sendo campeão de produção, mantendo a alimentação de nossa população, exportando para outros 170 países, temos dificuldades, mas nós temos que manter nossos olhares para os três pilares fundamentais da sustentabilidade, a questão social, a questão econômica e a ambiental, aí entra a Embrapa, entra o trabalho da Aprosoja com programas como o Soja Legal que está sendo lançado hoje, mostrando que este folclore que foi criado em relação ao Agro nacional é uma falácia, ele é mentiroso, ele é feito para denegrir a imagem do maior concorrente produtor de alimento do mundo, nós somos um país gigante, hoje utilizamos um pouquinho mais do que 7%, podemos dobrar a nossa produção, com estrutura, com desenvolvimento, com regularização fundiária, nós podemos produzir com eficiência e com qualidade, é isso que estamos buscando, é isso que o setor precisa. Sempre brinco com meus amigos que eu vir para Brasília para fazer pontes e não muros, se eu não puder ajudar, atrapalhar eu não vou. O produtor diz que da porteira para dentro eles precisam bem pouco, é da porteira para fora que eles precisam bastante dos governos e da política, então cabe a nós, prefeitos, deputados, políticos, fazermos a vida das pessoas mais leve, mais justa, mais feliz. Coloco o meu trabalho e a minha equipe a disposição, represento hoje a voz do agro e a comissão da agricultura, ame o agro, valorize o agro, porque todos nós precisamos dele”, destacou a presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR) da Câmara dos Deputados, deputada Aline Sleutjes.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.