Sanepar e Petrobras assinam convênio que vai levar mais água à Barragem do Passaúna

Sanepar e Petrobras assinam convênio que vai levar mais água à Barragem do Passaúna

AEN

Dirigentes da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar) assinaram nesta segunda-feira (3) um convênio para uso da água da Barragem do Rio Verde para abastecimento público. Por esse convênio, a Sanepar poderá retirar 200 litros por segundo da barragem, que pertence à Repar, e fazer a transposição até a Barragem do Passaúna.

A operação faz parte da segunda fase de ações da Sanepar para mitigar os efeitos da crise hídrica. Esse volume de água permite abastecer cerca de 75 mil pessoas.

A Sanepar vai implantar uma adutora de 2,45 quilômetros de extensão a partir de uma derivação do duto que leva água da Barragem do Rio Verde, localizada em Campo Largo, até a Repar, em Araucária. A água será lançada diretamente na Barragem do Passaúna.

“O presidente da Petrobras, general Joaquim Silva e Luna, tem sido um grande parceiro do Paraná desde a época em que estava à frente de Itaipu. Temos certeza de que, agora na Petrobras, essa parceria tende a se ampliar. Uma clara demonstração disso é o pronto atendimento a esse pedido tão importante para os paranaenses e, principalmente, para os moradores da Região Metropolitana de Curitiba”, disse o diretor-presidente da Sanepar, Claudio Stabile.

“Estamos inseridos nessa comunidade e a Petrobras fica feliz em poder ajudar e contribuir com o Estado”, disse o gerente-geral da Repar, Felipe Leonardo Gomes.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.