Educação divulga 1ª etapa da seleção para o Ganhando o Mundo

Educação divulga 1ª etapa da seleção para o Ganhando o Mundo

Agência Estadual de Notícias

Foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (28) a lista dos estudantes aprovados na primeira etapa seletiva do programa de intercâmbio Ganhando o Mundo, que levará 100 alunos da rede estadual para a Nova Zelândia.

Nesta primeira seleção, que tinha como critério avaliativo as notas e a frequência durante o ano letivo de 2020, foram classificados 363 estudantes, cada um representando um dos 399 municípios — os outros 36 não tiveram inscritos que se enquadrassem em todos requisitos para a seleção. Confira aqui a lista de estudantes classificados.

A lista com o total de inscrições deferidas e indeferidas por ser vista aqui. Para entrar com recurso, é preciso contatar o Núcleo Regional da Educação da região em que o aluno inscrito estuda e preencher um formulário entre os dias 1º e 5 de fevereiro. O resultado dos recursos sairá no dia 11 de fevereiro. Depois disso, em data a ser definida, acontecerá a divulgação da etapa final de classificação, em que serão selecionados para o intercâmbio os 100 alunos que tiveram as maiores notas. O embarque acontecerá no segundo semestre deste ano.

SELEÇÃO

Puderam participar do processo seletivo estudantes que ingressam no Ensino Médio na rede estadual do Paraná em 2021. Também era necessário ter cursado os anos finais do Fundamental (6º ao 9º ano) na rede pública do Paraná e ter entre 14 e 17 anos e meio na data de embarque.
A seleção dos intercambistas é feita pela média de notas e frequência. O estudante deve ter média maior ou igual a sete (7,0) em todas as matérias e frequência maior ou igual a 85%. Para chegar à pontuação final, foram somadas as médias de todas as disciplinas da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) cursadas em 2020 no 9º ano.

INGLÊS

Para preparar melhor os estudantes selecionados, um curso de inglês via aplicativo será ofertado em parceria com as universidades estaduais vinculadas à Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
O curso vai acontecer ao longo do primeiro semestre de 2021 em formato autoinstrutivo, baseado em desafios que consideram a perspectiva da aprendizagem por vivência social e cultural. O curso tem, ao todo, seis módulos de 40 horas cada um, totalizando 240 horas.

DESPESAS

Os gastos com a documentação necessária para a viagem e itens essenciais durante o semestre letivo no Exterior serão custeados pela Secretaria de Estado da Educação e do Esporte. Os custos incluem emissão de passaportes e vistos, exames médicos e vacinas, passagens aéreas e terrestres, transporte, hospedagem, seguro viagem e saúde, além das despesas vinculadas à parte acadêmica, como taxa de matrícula, tradução juramentada da documentação escolar, mensalidade da escola, material didático e uniforme.

O intercambista também receberá uma ajuda de custo mensal de R$ 800. Serão seis parcelas da bolsa-intercâmbio, sendo a primeira (bolsa-instalação) para cobrir despesas iniciais na chegada, e as demais repassadas mês a mês.
Saiba mais sobre o programa de intercâmbio em www.ganhandoomundo.pr.gov.br/.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.