Semana Santa tem nova programação em Castro

Semana Santa tem nova programação em Castro

Renato de Oliveira

Por conta da pandemia do Coronavírus e atendendo orientação e sugestão da diocese de Ponta Grossa, em Castro foi cancelada pela segunda vez a tradicional Procissão de Ramos, que estaria, em tempo de normalidade, prevista para o domingo (28), na paróquia de São Judas Tadeu. Outras mudanças também tiveram que ser observadas nas demais paróquias de Castro, sempre atendendo o distanciamento social e demais medidas de segurança, alterando a programação da Semana Santa.

Mesmo com o cancelamento da Procissão de Ramos, logo após a celebração das 9 horas – Missa de Domingos de Ramos -, padres da paróquia de São Judas Tadeu, saíram em carros abertos percorrendo diversas ruas dos bairros de Santa Cruz e Rosário, para abençoar ramos colocados pelos moradores, em frente as suas casas, ao mesmo tempo que também passaram levando a benção a locais como o Centro Infantil Ninho Sorisso, Casa das Irmãs Cavanis, Casa da Criança e do Adolescente padre Marcelo Quilici e Creche da ‘Irmã Elza’, institituições atendidas e amparadas pela Congregação Cavanis. No período da tarde do ‘ Domingo de Ramos’, sacerdotes foram para as comunidades do interior, também abençoar casas e seus moradores.

Na segunda-feira (29), a Celebração da Luz marcou também, o último encontro da Novena das Famílias, na comunidade de São Judas Tadeu. Nesta terça-feira (30), 19 horas, Missa do Encontro de Nossa Senhora das Dores e o Senhor dos Passos. Na quarta-feira (31), 19 horas, Santa Missa com o Sermão das 7 Palavras. Na quinta-feira (1º), Lava Pés e Instituição da Eucaristia, ás 19 horas. Neste mesmo dia, na catedral Sant’ Ana de Ponta Grossa, acontece a Missa dos Santos Oleos, apenas com a presença de sacerdotes. Ainda na quinta-feira, que abre o tríduo pascal, na paróquia de Nossa Senhora Sant’ Ana, em Castro, os fiéis deverão retirar senha antecipadamente, na secretaria.

Já a Sexta-Feira Santa (2), a Paixão e Morte de Jesus acontece às 15 horas. De acordo com orientação de dom Sérgio Arthur Braschi, bispo diocesano de Ponta Grossa, apenas o celebrante poderá beijar o cruxifixo de Jesus, enquanto que a comunidade presente – em número limitado na igreja -, faça sua adoração do lugar onde está, e faça de modo silencioso, a sua oração. “Na Sexta-Feira Santa, dia em que recordamos a entrega total de Jesus Cristo, mantenha-se o silêncio, em especial, o recolhimento, jejum e abstinência e a oração pessoal, lembrando que foi modificado também o ato de adoração à Cruz. O beijo é limitado apenas ao celebrante principal, conforme consta no decreto de 25 de março de 2020. A adoração pode ser feita de longe, com o presidente da celebração erguendo a Cruz e mostrando aos presentes para que realizem seu momento de oração e adoração”, aconselhou padre Álvaro Luiz Martins Nortok, assessor diocesano de Liturgia e Canto Pastoral, de Ponta Grossa.

Missa da Páscoanas paróquias

No dia 3, Sábado Santo benção do Fogo, a partir das 18 horas. Na mesma celebração, serão abençoados os Círios Pascais, adquiridos pelas famílias durante as últimas semanas nas secretarias da paróquias, ao custo de 15 reais, valores que serão incorporados nas despesas dessas igrejas e nas obras de construção das paróquias de São Judas Tadeu e Perpétuo Socorro e na reforma da igreja de Nossa Senhora do Rosário. A celebração deste dia segue com a Vigília Pascal.

O Domingo da Páscoa- (4), a comunidade de São Judas Tadeu celebra a Missa da Ressureição, às 9 horas. Na matriz de Sant’Ana a missa pascal será também às 9horas, enquanto que na comunidade Perpétuo Socorro, acontece 8h30. Na igreja de Nossa Senhora do Rosário, na vila Rio Branco, a celebração da Páscoa terá missa às 8 horas, 10 horas e 19 horas.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.