Fundação Titia Zélia inaugura nesta quarta em homenagem à castrense

Fundação Titia Zélia inaugura nesta quarta em homenagem à castrense

Luana Dias

Inaugura nesta quarta-feira (23) um espaço dedicado à memória da castrense Zélia Schitkoski, a titia Zélia, como todos conheciam. A iniciativa é da amiga e colega de gravações do canal Língua Solta, Mayka Wogue. Segundo explicou à reportagem, a Fundação Titia Zélia, que ocupará o mesmo espaço do estúdio do canal Língua Solta, será um espaço destinado para dar sequência aos trabalhos voluntários que a castrense desempenhava. “A fundação irá dar continuidade aos trabalhos sociais que a Zélia fez durante toda a vida, doação de roupas, alimentos, medicamentos, móveis, etc”, explicou Mayka.

De acordo com a youtuber, a junção da fundação e do estúdio no mesmo espaço tem a finalidade de tornar viáveis os projetos desenvolvidos, assim como, manter a memória da castrense que ajudou a tantas pessoas, homenageando-a por suas obras. “Resolvemos vincular a fundação ao canal Língua Solta para que a fundação tenha sustentabilidade. Com a venda de espaço de anúncios no canal, conseguimos manter os custos de higienização e reparo dos donativos e custos com os fretes. Também usaremos o canal para divulgar os trabalhos realizados e as novas campanhas, e o canal também será guardião do acervo fotográfico e videografia da Titia Zélia, assim manteremos sua imagem e história. O espaço físico ainda terá um memorial com suas fotos, e, na cerimônia de inauguração apresentaremos o andamento das obras, o histórico da Zélia e as obras sociais que já realizamos, além de fazermos o descerramento da placa inaugural”, destacou.

Sobre a homenageada

Zélia Schitkoski faleceu em dezembro de 2021, aos 76 anos de idade. Mulher dinâmica e ativa em diversos projetos, titia Zélia deixou no município um grande legado. Foi radialista ao longo de muitos anos, foi voluntária e responsável por muitas ações beneficentes e obras sociais, como a de recuperar bonecas e destiná-las a doação para crianças carentes do município. Também fez participação como atriz no filme ‘Os Xeretas’, lançado em 2001, e no elenco do Fantástico Natal de Bento, espetáculo no qual fazia o papel de avó do personagem principal. Participava das gravações e ações do canal Língua Solta, e chegou a candidatar-se a vereadora. Profissionalmente, Zélia também trabalhou por 18 anos no Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Varejista de Castro.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.