Escola Mariana leva livros e atividade física para Feira da Lua

Escola Mariana leva livros e atividade física para Feira da Lua

Luana Dias

No domingo (12) o projeto Gazebo da Leitura ultrapassou os portões da Escola Municipal Professora Mariana Garcez Duarte, onde nasceu e vem sendo desenvolvido, e ganhou um espaço exclusivo na já tradicional Feira da Lua, que ocorre mensalmente na Praça Indálecio de Macedo, em Castro. Conforme explicou à reportagem a coordenadora da escola Vivian Katzenwadel, a ideia de levar os livros e a prática de leitura e atividades relacionadas para a praça teve por objetivo a exposição dos livros, para troca e para incentivar a doação, a leitura e, a prática de esportes. “Na feira, os livros foram colocados em exposição para troca, ou, quem quisesse poderia passar e levar, ou ainda, fazer doação de mais livros. Foi uma dinâmica de leitura associada ao movimento. A professora tratou de trabalhar algumas leituras de parlendas com as crianças, o que permitia ao mesmo tempo, pular corda, ouvindo as parlendas. Tudo isso associado ao incentivo a leitura e ao movimento, ao esporte”, destacou.

Na escola, o projeto também visa o incentivo à leitura, através da dinâmica de troca e doação de livros, de todos os gêneros. “A escola está recebendo doações de livros há algum tempo, arrecadamos livros de todos os tipos: didáticos, literatura, com conteúdo para vestibular, todo e qualquer livro, e, no projeto, também unimos essa forma de se movimentar, associada à leitura”.

Quem fala sobre essa associação, da leitura aos exercícios físicos, é a professora de Educação Física, Somalia Mendes de Mattos Cordeiro. “Surgiu essa ideia de fazermos a tenda da leitura, com essas trocas e doações de livros, e de associarmos o movimento a essa ação. Para nós, a feira teve um resultado muito positivo, doações de livros toda hora chegando, as crianças pulando corda, eu cantando as parlendas, ficou muito bonito, emocionante. Esperamos que esse projeto tenha continuidade e dê mais e mais resultados, valorizando a leitura e o movimento”, destacou ela, que também é mentora de um projeto que visa incentivar a troca do celular por equipamentos que despertem nos alunos o desejo de praticar atividades físicas, “Eu tenho essa campanha, de menos celular e mais corda, para qual venho pedindo até a colaboração dos pais, para comprarem corda para as crianças, para que elas fiquem menos tempo no celular e porque também ajuda no desenvolvimento motor delas, e vem dando certo”.

A professora Beatriz Fernandes Correa que também é uma das responsáveis pelo projeto Gazebo da Leitura, explicou que por meio da iniciativa pretende-se aproximar e integrar a comunidade, sobretudo, nesse gosto pela leitura. “Em suma, almejamos que a nossa cidade seja referência na área de leitura no estado. O objetivo principal é proporcionar a participação de todos os castrenses, faremos doações de obras literárias infantis, juvenis e adulto, também temos apostilas para estudantes que farão o vestibular.

Destaca-se que, todos os livros e gibis entregues foram doados pela comunidade e apoiadores dos projetos de Leitura da escola”, explicou.
De acordo com a docente, a expansão do projeto fora da escola, que começou com a exposição na Feira da Lua, deve ser ampliada, para que cada vez mais pessoas da comunidade possam se beneficiar com a iniciativa. “A escola Mariana tem uma equipe de profissionais que valoriza os projetos de leitura, sendo um dos seus maiores legados para a comunidade escolar e para a sociedade castrense. Acreditamos no poder da leitura como um direito humano, o direito à literatura, direito à fruição das obras literárias que encantam as crianças. Desenvolvemos projetos interdisciplinares que visam a proficiência das habilidades de leitura e interpretação. Acima de tudo, primamos pelo prazer de ler e, para somar a estas atividades já desenvolvidas, agora, a escola fará mensalmente um trabalho em cooperação com a comunidade local e futuramente regional,” finaliza.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.