DEFs tem alta demanda em Castro, embora proibido pela Anvisa

DEFs tem alta demanda em Castro, embora proibido pela Anvisa

Luana Dias

A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de manter a proibição de importação, propaganda e venda de cigarros eletrônicos no Brasil, ocorre justamente num momento em que a demanda pelo produto cresce em todo país. De acordo com pesquisas recentes, de alguns anos para cá aumentou tanto o uso desses dispositivos eletrônicos para fumar (DEFs), como ocorreu a ampliação da faixa etária de pessoas que passaram a experimentar os cigarros eletrônicos.

Mais comum entre jovens fumantes e usuários de narguilé e de outros produtos análogos, os cigarros eletrônicos também já caíram no gosto de pessoas mais velhas. É o que revela a consulta feita pelo Página Um News, junto a estabelecimentos comerciais do setor, que ficam em Castro.

Por exemplo, na tabacaria onde trabalha Robson Sebastião Dória, mesmo não havendo a comercialização do produto, o estabelecimento atende a pedidos de clientes constantemente, e segundo o balconista, consumidores mais velhos e mais tradicionais, que fazem uso de cachimbo e de cigarros de palha, são alguns dos que mais têm procurado pelos dispositivos.

“Aqui nós não comercializamos, mas tem muita procura, notamos que de um tempo pra cá aumentou muito essa demanda, e mesmo aqui sendo uma tabacaria mais tradicional, até os consumidores mais velhos têm procurado bastante. É uma demanda que está deixando de ser apenas do público jovem”, destacou ele.

Robson acredita que um dos fatores que faz aumentar a procura e consumo do produto é a curiosidade. De fato, existem estudos que apontam para esse fator como um dos principais responsáveis pela iniciação de usuários no tabagismo. Alguns especialistas inclusive, defendem que o fato de muitos fumantes desenvolverem o hábito ainda na adolescência, está atrelado à curiosidade, já que nessa fase os jovens acabam sendo bastante exposto a novas experiências.

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.