Castro já recebeu mais de R$ 2,7 milhões de ISS, repassados pela CCR Rodonorte

Castro já recebeu mais de R$ 2,7 milhões de ISS, repassados pela CCR Rodonorte

Da Assessoria

Nesta segunda-feira (4) a concessionária CCR RodoNorte divulgou números atualizados sobre os repasses do Imposto Sobre Serviços (ISS) para os 19 municípios que estão ao longo das rodovias cuidadas pela companhia no Paraná. Considerando o valor repassado desde o início da concessão até setembro deste ano, os repasses já chegam a marca de quase R$ 575 milhões; destes, R$ 43,7 milhões só no ano de 2021.

A distribuição dos recursos do ISS pela CCR RodoNorte obedece a legislação vigente e varia de acordo com a extensão das rodovias cuidadas pela concessionária no município, seguindo regularmente até o próximo dia 27 de novembro, data em que se encerra o contrato de concessão com o Governo do Estado do Paraná. O município que recebe o maior volume de repasses é Ponta Grossa, com R$ 94,7 milhões no acumulado desde 1998 e R$ 7,5 milhões neste ano.

Além disso, em levantamento junto aos portais da transparência e secretarias de finanças de algumas cidades, constatou-se que, em determinados anos, o repasse de ISS da CCR RodoNorte representou quase 90% de todo o valor arrecadado com o Imposto em alguns municípios. Em 2020, o imposto pago pela concessionária representou as maiores porcentagens na arrecadação dos municípios de Califórnia (80%), Marilândia do Sul (74%), Tibagi (72%) e Imbaú (67%).

“Ao longo dos anos, o ISS foi se tornando o principal imposto no que diz respeito aos repasses para os municípios das regiões onde atuamos. É o resultado de toda uma cadeia produtiva, que vai muito além das tarifas de pedágio, e colaborou para diversas ações realizadas pelas Prefeituras Municipais nestes mais de 23 anos”, destaca a gerente administrativa da CCR RodoNorte, Eliane Barbosa. Os recursos direcionados pela concessionária em 2021, inclusive, se proporcionalmente comparados ao ano anterior, já apresentam alta próxima dos 15%.

Além dos municípios citados acima, as cidades de Apucarana, Balsa Nova, Campo Largo, Castro, Carambeí, Piraí do Sul, Jaguariaíva, Palmeira, Sengés, Mauá da Serra, Ortigueira, Ipiranga, Faxinal e Curitiba também recebem os repasses vindos da CCR RodoNorte. Em 2021, além de Ponta Grossa, os municípios que receberam o maior volume de repasses foram Ortigueira (R$ 5,8 milhões), Tibagi (R$ 5,3 milhões), Piraí do Sul (R$ 2,8 milhões) e Mauá da Serra (R$ 2,3 milhões).

Bons exemplos

E durante os mais de 23 anos de atividade da CCR RodoNorte no Paraná, bons exemplos sobre a aplicação dos recursos do ISS não faltam: durante a última década, a prefeitura de Jaguariaíva utilizou o valor para a construção do novo prédio do Paço Municipal, desejo histórico da população e do ex-prefeito Otélio Baroni, que faleceu em 2013. Já em Ortigueira, por exemplo, o repasse do ISS foi responsável, durante muitos anos, pela manutenção do transporte escolar no município, fundamental por conta da grande extensão territorial da cidade.

MunicípiosREPASSADO EM 2021 (R$)REPASSADO DESDE 1998 (R$)
1Apucarana1.909.973,9825.583.581,15
2Balsa Nova1.651.188,5923.798.117,67
3Califórnia1.086.831,2913.754.617,64
4Campo Largo1.886.766,3225.338.530,58
5Carambeí1.692.266,0823.426.088,73
6Castro2.763.297,4635.652.254,94
7Curitiba1.174.445,1815.558.241,61
8Faxinal26.635,09347.999,53
9Imbaú2.043.399,3627.537.406,66
10Ipiranga356.442,734.611.455,42
11Jaguariaíva1.742.945,9323.130.313,35
12Marilândia do Sul1.586.866,2420.431.889,37
13Mauá da Serra2.353.136,7829.646.172,87
14Ortigueira5.874.511,1375.251.050,83
15Palmeira1.798.942,9025.527.947,09
16Piraí do Sul2.813.314,1436.136.776,19
17Ponta Grossa7.586.394,5794.734.236,43
18Tibagi5.315.488,4768.839.965,09
19Sengés99.889,74865.196,64

Crédito da foto: Christian Christophoro

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.