Operário sofre goleada de 5 a 0 do Náutico na Série B

Operário sofre goleada de 5 a 0 do Náutico na Série B

Da Assessoria

Jogando fora de casa, o Operário Ferroviário enfrentou o Náutico-PE, na noite desta sexta-feira (2), em duelo válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A partida terminou em derrota para o Alvinegro, por 5 a 0. Em 6º na tabela de classificação, a equipe soma 12 pontos.

O jogo

Buscando o controle da partida no início do confronto, o Operário teve a primeira chance do duelo aos seis minutos. Após cruzamento pela direita, a bola sobrou nos pés de Fabiano, o atleta fez a finalização de perna canhota, mas foi bloqueada pela defesa. Após o primeiro lance de perigo, o Alvinegro buscou continuar a pressão ofensiva, mas, aos oitos minutos, sofreu o primeiro gol. Depois de cobrança de escanteio, a bola chegou em Marciel, que finalizou cruzado, a tentativa desviou na defesa e entrou, abrindo o placar. Mesmo atrás do placar, aos 23 minutos, Reniê quase empatou o marcador, em jogada aérea, o capitão operariano cabeceou e a bola passou por cima do gol. O segundo gol da partida foi aos 28 minutos. Em jogada de velocidade, a equipe mandante teve a oportunidade, dentro da área, com Paiva, que finalizou de perna direita aumentando o marcador. No final do primeiro tempo, Alex Silva teve a melhor oportunidade do Fantasma da partida. Após receber o passe de Rafael Chorão, o lateral-direito cabeceou firme no gol, mas o goleiro mandante defendeu. Desta maneira, os primeiros 45 minutos terminaram em vantagem para os donos da casa.

Na segunda etapa, sem grandes oportunidades para o Operário, os donos da casa fizeram mais três gols. Aos cinco minutos, Jean Carlos recebeu dentro da área e finalizou de perna esquerda, marcando o terceiro do confronto. Na sequência, aos 10, Paiva foi acionado entre os zagueiros e marcou o quarto. Aos 27 minutos, Paulo Sérgio teve a chance de fazer o primeiro gol alvinegro da noite, mas a bola foi interceptada, em lance de reclamação, pois poderia ter sido assinalada penalidade máxima. No fim do confronto, os donos da casa ampliaram o placar com Iago Dias, em posição duvidosa, o atacante adversário bateu por cobertura, na saída do goleiro Simão e fez mais um gol. Decretando o placar final em 5 a 0.

Avaliação do treinador

Após o jogo, o técnico Matheus Costa, em entrevista coletiva online, comentou sobre a primeira derrota fora de casa nesta Série B. “Foi uma péssima partida, começamos relativamente bem, mas sofremos um gol no início e isso afeta um pouco a nossa confiança. Porém, considero que a gente fez um primeiro tempo de igual pra igual, mas acabamos sofrendo outro gol no fim. No segundo tempo, sofremos um gol novamente no início e as coisas desandaram completamente. A ideia era buscar o primeiro gol e depois o segundo, mas, foi mérito do Náutico. Também é demérito nosso que perdemos todo o controle da partida, depois do 3 a 0. Agora é respirar, virar a chave e focar no jogo importante que a gente tem pelo Paranaense.”

Próximo jogo

Na próxima terça-feira (6), o Alvinegro de Vila Oficinas encara o Londrina, no Estádio dos Germano Krüger, às 15h20, pelo segundo jogo da semifinal do Campeonato Paranaense.

Foto: Tiago Caldas

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.