Comércio aberto

Comércio aberto

Em meio a segunda onda de Covid-19, fechar estabelecimentos comerciais tem preocupado população e comerciantes, principalmente aqueles que lutam para se manter em pé.
Desenvolver estratégias mais direcionadas para cada tipo de estabelecimento, com base em dados dos deslocamentos das pessoas pelas cidades, pode ser mais eficaz do que adotar o fechamento generalizado de comércios, como aconteceu recentemente em Ponta Grossa, Castro, e demais cidades do entorno.
Um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Stanford e da Universidade de Northwest, no ano passado, chegou-se a conclusão que limitar a ocupação a 20% pode reduzir em 80% novas infecções pelo coronavírus nesses lugares. Além de diminuir os riscos de novos contágios, essa limitação não reduz a clientela de forma linear durante todo o período de funcionamento do estabelecimento. Ou seja, uma taxa de ocupação máxima de 20% provocaria a perda de 42% do total de visitas (e não de 80%). Vale a pena aprofundar-se nessa pesquisa!

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.