Hospital Universitário organiza mutirão para realizar 302 cirurgias eletivas

Hospital Universitário organiza mutirão para realizar 302 cirurgias eletivas

Da Assessoria

O Hospital da Universidade Estadual de Ponta Grossa (HU-UEPG) iniciou o processo de chamamento para realização de cirurgias eletivas. O trabalho acontece após liberação da Secretaria do Estado da Saúde (Sesa) e 3ª Regional de Saúde. O objetivo é realizar 302 cirurgias em pacientes adultos e pediátricos.

Os pacientes que realizarão as eletivas são das cidades de Carambeí, Castro, Ipiranga, Palmeira, Piraí do Sul, Ponta Grossa, Porto Amazonas e São João do Triunfo. O processo acontece com o chamamento dos pacientes para revisão de prontuário e consultas ambulatoriais pré-cirúrgicas, para verificar a situação atual de saúde. “Com a redução do número de internamentos, a direção do HU, junto à Sesa e 3ª Regional de Saúde, encampou a ideia do mutirão”, explica o diretor técnico do Hospital. “Para que o trabalho ocorra, todas as equipes estão comprometidas para a realização dessas cirurgias”, completa.

Segundo o diretor do HU-UEPG, Sinvaldo Baglie, o mutirão acelera o processo das cirurgias e contribui para a redução da fila de espera. “As filas estavam represadas em decorrência de uma demanda já existente e foram intensificadas pela pandemia da Covid-19”, explica. O diretor destaca que o mutirão representa uma solução significativa das necessidades da população, em diversas especialidades cirúrgicas. “O trabalho realizado pelas equipes do HU e Humai será feito com agilidade, segurança e respeito aos usuários, algo que sempre prezamos como um Hospital que atende de forma humanizada por meio do SUS”, finaliza.

Serão 21 procedimentos cirúrgicos: tratamento de varizes; amigdalectomia; septoplastia para correção de septo; timpanoplastia; hernioplastia inquinal bilateral; hernioplastia inquinal/crural unilateral; hernioplastia recidivante; reparo de rotura no manguito rotador, colecistomia; hernioplastia incisional; tratamento cirúrgico de dedo em gatilho; tratamento cirúrgico de rotura do menisco com meniscectomia parcial/total; artroplastia do quadril; tratamento cirúrgico de halux valgus com osteostomia; ressecção de cisto sinovial; histerectomia para anexectomia; artroplastia total primária do joelho; reconstrução ligamentar intra-articular do joelho; histerectomia subtotal; histerectomia total; e colecistectomia videolaparoscopica.

Texto: Jéssica Natal | Foto: Vanessa Hrenechen

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.