Com Christian Vásquez à frente, Orquestra toca Shostakovich e Vaughan Williams no Guaíra

Com Christian Vásquez à frente, Orquestra toca Shostakovich e Vaughan Williams no Guaíra

AEN

A Orquestra Sinfônica do Paraná apresenta neste domingo (7), às 10h30, no auditório Bento Munhoz da Rocha Neto (Guairão) um concerto com obras de Dmitri Shostakovich e Vaughan Williams. Com solo do violinista Ângelo Martins, a Orquestra terá como maestro o venezuelano Christian Vásquez, um dos grandes nomes da regência atual no mundo.

Os ingressos estarão disponíveis pelo site DeuBalada.com e na bilheteria física do Teatro Guaíra, com valores de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

MAESTRO – Christian Vázquez é diretor artístico da Orquesta Sinfónica Juan José Landaeta, da Venezuela, atuou em diversos países e atrai a atenção internacional por sua presença musical carismática e pelas suas interpretações poderosas. “Encontro-me pela primeira vez aqui em Curitiba. Estou muito emocionado de poder dirigir a magnífica Orquestra Sinfônica do Paraná neste grande teatro”, disse o convidado.

Entre as composições que o público vai presenciar, está a monumental 5ª Sinfonia de Shostakovich, com duração de 44 minutos, que teve sua primeira apresentação em novembro de 1937. “O compositor escreve querendo demonstrar tudo o que sentia, o que passava na Rússia nesse momento. É uma sinfonia com muito contraste, de dor e de angústia, mas também de triunfo”, explica o maestro.

ÂNGELO MARTINS – Spalla da casa – apoio do maestro, que faz a ponte entre os músicos e o regente – , Ângelo Martins é o solista em The Lark Ascending (A ascensão da Cotovia), de Vaughan Williams. Esboçada em 1914, a estreia da versão com orquestra se deu em Londres em 1921. “Williams serviu na Primeira Guerra, atuando na enfermaria. Essa peça representa a última fase do luto e fala um pouco da aceitação da fragilidade da vida e do valor dela. Ele tenta descrever isso com base no poema de George Meredith, de mesmo nome, porque a cotovia, com asas pequenas, não alça o voo uma vez só, ela sempre vai e vem, com rasantes e subidas, e até que ela desaparece no céu”, cita o violinista.

ORQUESTRA – Com 39 anos de existência, a Orquestra Sinfônica do Paraná é a primeira e maior orquestra pública mantida pelo Governo estadual. Com sede no Centro Cultural Teatro Guaíra, tem uma intensa agenda a preços acessíveis. Hoje com 71 músicos, a Orquestra construiu ao longo dos anos uma história notável, ultrapassando mil apresentações dentro e fora do Paraná, com montagens de importantes óperas, balés e composições exclusivas. Mais de 50 maestros convidados e 200 solistas, que vieram de diversos lugares do Brasil e do mundo, ajudaram a dar corpo ao grupo.

O repertório da Orquestra Sinfônica do Paraná conta com cerca de 900 obras catalogadas de mais de 250 compositores. Confira a programação 2024 da Orquestra AQUI.

Serviço:

Data: 7 (domingo), às 10h30

Local: Auditório Bento Munhoz da Rocha Neto – Guairão – Rua Conselheiro Laurindo, 175 – Centro – Curitiba/PR.

Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada) – lugares livres – disponíveis na bilheteria do Teatro Guaíra ou pelo site DeuBalada.com.

Foto: Ali Guler

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.
× Fale com o P1 News!