Bateria de alunos do Secate-UEPG vence desafio em torneio esportivo universitário

Bateria de alunos do Secate-UEPG vence desafio em torneio esportivo universitário

Da Assessoria

Ponta Grossa – A Bateria da Tourada, composta por alunos do Setor de Engenharias, Ciências Agrárias e de Tecnologia da Universidade Estadual de Ponta Grossa (Secate-UEPG), conquistou o primeiro lugar do Desafio de Baterias do Engenharíadas Paranaense de 2022. O campeonato aconteceu em 18 de junho, durante o Engenharíadas, torneio esportivo universitário que envolve estudantes de cursos de engenharias do Paraná. Pertencente à Associação Atlética Los Bravos, a bateria retorna ao topo do pódio depois de seis anos.

No total, foram 25 pessoas envolvidas diretamente na apresentação, entre ritmistas e staffs. O mestre da bateria, Lizandro Diniz Borgo, conta que os os ensaios começaram no início do ano, mas foram intensificados a partir de abril. “A vitória representa reconhecimento de um trabalho que vem sendo feito há anos e, em meio a dificuldades nunca antes enfrentadas, a bateria soube se reestruturar e voltar ao lugar que sempre mereceu”, comemora.

Além de levar o título, a tourada também levou os estandartes de mestre, caixa, tamborim e instrumento diferenciado. Alexsandra da Silva, presidente da bateria, conta que os ensaios deste ano foram desafiadores. “Ensaios até meia noite, todo mundo cansado depois de aula, trabalho, estágio, indo de um lado pro outro da cidade pra poder ensaiar. Mas, mesmo em meio a esse caos, todo mundo deu o melhor de si até o último segundo, desde o primeiro ensaio até o dia do desafio”, relembra.

Os esforços dos integrantes foram recompensados com o título. “Ver todo nosso esforço dando resultado não tem preço. Nosso último título do Engenharíadas foi em 2016 e, desde então, estávamos tentando trazer o troféu de volta pra casa. Finalmente veio aí, então foi gratificante demais esse primeiro lugar depois de todo esse tempo”, destaca Alexsandra.

O aluno do Secate interessado em participar deve estar matriculado em um curso de engenharia da UEPG e ter disposição para colaborar nos ensaios da bateria de acesso, que são divulgados regularmente no instagram @bateriadatourada. Não é necessário ter conhecimento prévio sobre algum instrumento.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.