A pedido do Papa, bispo continua na administração da Diocese

A pedido do Papa, bispo continua na administração da Diocese

Da Assessoria

Ponta Grossa– Dom Sergio passará a ocupar o cargo de ‘administrador apostólico’, que difere do ‘administrador diocesano’ por ser um cargo nomeado pelo Papa. O bispo apresentou, há pouco mais de seis meses, sua carta de renúncia, uma lei da Igreja, norma do direito canônico. A carta tem que ser feita um pouco antes do aniversário de 75 anos e encaminhada diretamente para o Papa. “Agora, ele mandou uma carta, dizendo que aceitava (a renúncia), mas que eu continuasse administrando a Diocese até a posse do sucessor. E assim será”, afirmou o bispo.
A posse ainda não tem data. Segundo Dom Sergio, o bispo nomeado estará na semana que vai em Brasília, em uma reunião da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). “Talvez, ele venha na reunião geral do clero, que seria realizada agora dia 27, mas pode ser que tenhamos que antecipar para que ele possa vir, conhecer os padres, ter um primeiro contato. Ele é que vai decidir a data da posse. Mas, ele disse que quer ouvir os padres”, citou Dom Sergio.
Ao comentar como se sente, Dom Sergio afirmou que, por um lado, se sente muito grato a Deus e à Igreja, e, também feliz porque finalmente chegou a notícia de seu sucessor. “Enquanto não chegava (a notícia) ficava naquela insegurança. Todos perguntando, eu até evitava falar. As pessoas querendo saber e a gente não sabendo o que dizer. Mas, as pessoas pensam que a gente sabe. Estava no coração do Papa. Há pouco dias fiquei sabendo por uma carta sob segredo pontifício, sob rigoroso embargo. É uma alegria poder comunicar. Pessoalmente, fiquei muito feliz. Conheço Dom Bruno desde seminarista, gosto muito dele, tenho amizade, mas, não fui eu quem o escolheu, nem sugeri o seu nome, mas no meu coração estava o nome dele e de tantos outros bispos e padres. Acho que o Papa captou”, brincou Dom Sergio.
Agora, é se preparar para recebê-lo quando ele marcar, adiantou o bispo. Sobre o futuro, Dom Sergio lembrou que passará a ser emérito. “O futuro a Deus pertence. Como sou padre diocesano, nascido em Curitiba, poderia ir morar lá; poderia ficar aqui…vai depender. Não quero colocar limites na providência de Deus. Tem o problema da minha saúde. Depende de tudo isso para tomar a decisão, que pode ser uma decisão temporária… Tenho minha vida missionária, trabalhei anos no Nordeste quando padre. Se a saúde melhorar posso ir morar em uma paróquia, ir para a Igreja Irmã (na Prelazia de Lábrea, no Amazonas). Ficar um tempo em cada lugar”, detalhou.
Durante todo o dia Dom Sergio recebeu mensagens carinhosas de seus paroquianos. A prefeita de Ponta Grossa , Elizabeth Schmidt fez uma chamada de vídeo, expressando sua gratidão por sua caminhada em Ponta Grossa. O bispo da Prelazia de Lábrea, Dom Santiago Sànchez Sebastian, parabenizou e agradeceu a Dom Sergio por tudo o que tem feito. “Como irmão da Igreja-Irmã, quero agradecer a fraternidade, a disponibilidade, essa solicitude conosco. Que o Senhor abençoe a sua aposentadoria e que seu testemunho continue a ser essa missão aqui na igreja. Orando com você, por você, unidos na oração e na missão”, destacou Dom Santiago.
O coordenador da Pastoral Presbiteral, padre Hélio Guimarães, agradeceu a Dom Sergio Arthur por sua solicitude pastoral na condução do rebanho do Senhor a ele confiado, sob a proteção de Nossa Senhora Mãe da Divina Graça. “Sua doação de vida tem sido a cada dia, para todos nós, testemunho da doçura do amor de Deus e fonte de inspiração, que nos enche de esperança em nossa caminhada de fé”, afirmou em nota.
A diocesana Jurema Mocelim também enalteceu a caminhada do bispo. “Obrigada Dom Sergio, pelos 21 anos de pastoreio. Sempre atento a tudo , com seu sorriso, com seu violão, animando as celebrações. Sua passgem de pastor será sempre lembrada com muito carinho, admiração, respeito. Profundo! Obrigada por seu exemplo de legionário! Muita saúde e felicidades! O Praesidium Matter Admirabilis agradece”.

Divulgação / Ana Paula Andrade

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.
× Fale com o P1 News!