Parceria fortalece trabalho de educação ambiental na rede pública de ensino em Jaguariaíva

Parceria fortalece trabalho de educação ambiental na rede pública de ensino em Jaguariaíva

Da Assessoria

Jaguariaíva – Professores de 3ª anos da rede municipal de ensino participaram na terça (26), no Cine Teatro Valéria Luercy, de treinamento alusivo ao projeto socioambiental Bacia Escola, com o instrutor Gustavo Goes, do Programa de Educação Ambiental Pingo d’Agua. A ação foi  promovida pela empresa Klabin, que realiza o Projeto Bacia Escola, em parceria com a administração municipal, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL).

O objetivo do encontro foi capacitar a equipe docente para o início do projeto com turmas de 3º ano do Ensino Fundamental. De agosto a novembro, as crianças participarão de visitas orientadas na Bacia do Rio Três Bocas, de onde vêm cerca de um terço da água captada pelo SAMAE (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) para o abastecimento domiciliar jaguariaivense.

Guias especializados, que também estiveram no encontro, farão o acompanhamento das atividades na Bacia do Rio Três Bocas, visando a sensibilização dos alunos da rede municipal sobre a necessidade de cuidar da água, no local que será disponibilizado à comunidade escolar para ser usado como uma espécie de laboratório ao ar livre. Os professores também vão trabalhar o assunto em sala de aula, inclusive com cartilha para os alunos e manual para o professor.

A bacia hidrográfica do Três Bocas, tem pouco mais de 500 hectares, e além de ponto de educação ambiental, é área de pesquisas acadêmicas e monitoramentos, para captação de dados como boletins sobre o volume de chuvas, vazão da água e o impacto do manejo florestal na fonte hídrica, por exemplo. O Projeto Bacia Escola foi idealizado há cerca de dois anos, mas devido à emergência sanitária imposta pela pandemia de Covid-19, foi interrompido e agora retomado.

Segundo informações da SMECEL, o Projeto Bacia Escola complementa as ações de educação ambiental realizadas nas escolas municipais, entre elas o Projeto Dispersores, que proporciona aprendizado sobre fauna, flora e preservação ambiental a alunos de 4º e 5º anos, incluindo palestras e visitas ao Parque Ambiental Dr. Ruy Cunha.

Redação Página 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.