Capelas retomam celebrações em Castro

Capelas retomam celebrações em Castro

Luana Dias
Especial Página Um News

Primeiro recomeçaram as atividades nas paróquias do município, e, agora é a vez das capelas, onde devagar são retomadas missas, celebrações, terços e demais encontros e ações. Nas capelas da Paróquia do Perpétuo Socorro, por exemplo, as atividades estão sendo retomadas aos poucos, desde o início deste mês de outubro.
Já na Paróquia de São Judas Tadeu, tanto matriz quanto todas as capelas já realizam missas com presença de público, também desde o começo do outubro. De acordo com padre Franco Allen Somensi, as atividades só foram retomadas após uma reunião, que reuniu todos os padres da cidade, e, as celebrações têm recebido apenas metade do público que cabe nas igrejas. “Nós retomamos as nossas atividades da Paróquia São Judas Tadeu com 50% da capacidade de lotação. Os horários das missas na matriz são os mesmos de antes, assim como nas igrejas do interior, porém, lá quando tem mais que 50% da capacidade de público, a celebração é feita do lado de fora da igreja ou no pavilhão, além disso, sempre respeitando as orientações da Secretaria de Saúde e todas as normas de segurança”, destacou o padre.
Na Paróquia de Sant’Ana as missas presenciais começaram um pouco mais cedo, mais precisamente no dia 26 de julho, com a celebração da missa especial do dia da Padroeira. Desde então matriz e capelas já recebem os fiéis semanalmente, seguindo igualmente as recomendações de órgãos do município. A paróquia também já realiza batizados, porém, apenas com a presença do batizando, pais e padrinhos. Os cursos de preparação, no entanto, são feitos virtualmente, e, as celebrações de Crisma, marcadas para outubro, foram reagendadas para março do próximo mês. “Quando retornamos com as celebrações presenciais na paróquia, também já iniciamos as celebrações nas comunidades. Temos 21 capelas e todas elas estão sendo assistidas com as celebrações presenciais, mas sempre com todo cuidado e respeito às restrições e distanciamento. Nas comunidades do interior, a grande maioria das celebrações tem sido feita na parte externa da capela, inclusive agora nesse fim de semana, que foi celebrado Nossa Senhora Aparecida, lá na capela da Ribeira, por exemplo, celebramos ao lado de fora. Foi uma celebração muito bonita, com boa participação da comunidade e com todos os cuidados. Mas, as outras atividades ainda não retomamos”, explicou o padre Martinho Luis Hartmann.
E, por fim, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário as missas nas capelas também ainda estão sendo retomadas. Na maioria delas é realizada uma celebração por semana, e aos poucos as atividades como terços e outros encontros também vão sendo reiniciados. Para o mês de novembro está programada a volta das missas também aos domingos.

Redação Página 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo é de exclusividade do Página 1 News.